Ser Avó

No dia 26 de julho, memória litúrgica de São Joaquim e Santa Ana, avós de Jesus, assinala-se o Dia dos Avós. Isabel Silva quis assinalar a data e resume num poema o que lhe vai na alma.

 

 

Ser avó é sentir felicidade                             

É conhecer um amor doce, profundo

É viver de carinho e ansiedade

É resumir nos netos o seu mundo!

Ser avó é voltar a ser criança,

É fazer tudo pelo neto amado…

É povoar a vida de esperança,

É reviver todinho o seu passado.

Ser mãe é dar o coração, eu creio,

Mas ser avó… que sonho abençoado!!!

É viver de ilusão, num doce enleio,

É viver no neto o amor ao filho

Amado…

                                                                  Isabel Silva

Partilhar:

Facebook
Twitter
Pinterest
LinkedIn
Relacionado

Outras Notícias

A sabedoria que parte do coração humano

“Neste tempo que corre o risco de ser rico em técnica e pobre em humanidade, a nossa reflexão só pode partir do coração humano”. É com este pressuposto que Francisco alerta para as potencialidades e perigos da comunicação num mundo cada vez mais complexo da inteligência artificial.

Ler Mais >>

Construímo-nos na relação

Contruímo-nos na relação e a construção da identidade tem uma dimensão relacional e uma dimensão singular. Como cristãos somos chamados a viver a dimensão de Igreja mas também de cidadania e a esperança cristã deve ser testemunhada na vida de cada um mas também na relação com os outros. Ideias saídas do II Fórum Família.

Ler Mais >>

Vinde Espírito Santo!

No contexto do Mistério Pascal, Furtado Fernandes evoca a vinda do Espírito Santo para renovar mentalidades e comportamentos, num mundo dilacerado pelos horrores da guerra.

Ler Mais >>