Cooperadoras da Família convidam jovens raparigas para descoberta vocacional

O tema do Sínodo dos Bispos 2018 dedicado aos jovens é interpelativo e inquietante: “A fé, os jovens e o discernimento vocacional”. Já de olhos postos na dinâmica gerada por este Sínodo, as Cooperadoras da Família desafiam jovens raparigas a partirem à descoberta vocacional.

De 13 a 15 de outubro a Casa de Santa Zita, em Coimbra, a cargo das Cooperadoras da Família,  acolhe um retiro vocacional para raparigas, a partir dos 16 anos. Este retiro, promovido pela equipa da Pastoral Juvenil/Vocacional do Instituto Secular das Cooperadoras da Família (ISCF), parte da pergunta que, há 100 anos, Lúcia fez a Nossa Senhora, em Fátima: “O que é que vossemecê me quer?” Desta forma, Maria foi mediação na vida dos três Pastorinhos para que eles descobrissem o sonho de Deus para eles.

“E tu? Já alguma vez perguntaste a Deus o que é que Ele quer para ti?”. Este é o desafio lançado num fim de semana em que as Cooperadoras convidam as jovens a parar um momento, a “refletir”, a “sair do barulho do mundo” e a “ficar a sós com Ele”.

Para inscrições e informações:
Rua Sociedade Farmacêutica, nº 39
1150-338 Lisboa
Telf. 213 513 060
j.focosesperaca@gmail.com
Cristina Reis |925 299 065
Elisabete Puga | 917 928 191

Partilhar:

Facebook
Twitter
Pinterest
LinkedIn
Relacionado

Outras Notícias

A sabedoria que parte do coração humano

“Neste tempo que corre o risco de ser rico em técnica e pobre em humanidade, a nossa reflexão só pode partir do coração humano”. É com este pressuposto que Francisco alerta para as potencialidades e perigos da comunicação num mundo cada vez mais complexo da inteligência artificial.

Ler Mais >>

Construímo-nos na relação

Contruímo-nos na relação e a construção da identidade tem uma dimensão relacional e uma dimensão singular. Como cristãos somos chamados a viver a dimensão de Igreja mas também de cidadania e a esperança cristã deve ser testemunhada na vida de cada um mas também na relação com os outros. Ideias saídas do II Fórum Família.

Ler Mais >>

Vinde Espírito Santo!

No contexto do Mistério Pascal, Furtado Fernandes evoca a vinda do Espírito Santo para renovar mentalidades e comportamentos, num mundo dilacerado pelos horrores da guerra.

Ler Mais >>