Faleceu D. António Francisco dos Santos, Bispo do Porto

D. António foi vítima de “um ataque cardíaco fulminante”, disse à Renascença fonte da diocese do Porto.

O bispo do Porto, D. António Francisco dos Santos, morreu esta segunda-feira, aos 69 anos. Fonte da diocese do Porto disse à Renascença que D. António foi vítima de “um ataque cardíaco fulminante”, na casa Episcopal, onde residia.

D. António Francisco dos Santos completou 69 anos recentemente, a 29 de Agosto. Estava na diocese do Porto desde Fevereiro de 2014, quando sucedeu a D. Manuel Clemente.

Natural de Tendais, concelho de Cinfães, foi ordenado bispo de 2005, depois de, no ano anterior, ter sido nomeado bispo auxiliar de Braga por João Paulo II. Dois anos depois, em 2006, Bento XVI nomeou-o bispo de Aveiro, diocese onde esteve mais tempo: praticamente oito anos.

D. António formou-se em Teologia no Seminário Maior de Lamego, em 1971. Estudou, depois, Sociologia Religiosa e Filosofia, em Paris. Na capital francesa, trabalhou na paróquia de S. João Baptista de Neuilly-Sur-Seine, onde assumiu a responsabilidade pastoral da comunidade portuguesa emigrante.

De regresso a Portugal, foi professor no seminário de Lamego e, de 1992 a 1998, chegou a ser chefe de redacção do jornal diocesano “Voz de Lamego”. Em 2004, foi nomeado vigário geral da diocese e também deu aulas no Instituto Superior de Teologia do Núcleo Regional das Beiras, da Universidade Católica Portuguesa.

Na Conferência Episcopal Portuguesa (CEP) era, actualmente, o presidente da comissão episcopal da Pastoral Social e Mobilidade Humana, depois de ter estado vários anos à frente da comissão episcopal Vocações e Ministérios.
 

Texto: Rádio Renascença

Partilhar:

Facebook
Twitter
Pinterest
LinkedIn
Relacionado

Outras Notícias

Cultura do descarte

“A cultura do descarte é uma das mais significativas sequelas do vírus do narcisismo”, escreve Furtado Fernandes num artigo que reflete sobre o provisório e o efémero que caracterizam a atualidade.

Ler Mais >>

Em Roma, uma Igreja que fala português

Uma eucaristia em Roma para fazer memória das virtudes heroicas do Pe. Alves Brás deu o mote à rubrica mensal de Cristiano Cirillo pela beleza da espiritualidade em viagem. Por entre a vida e Obra do Fundador da Família Blasiana, ficamos a conhecer a Igreja de Santo António dos Portugueses em Roma.

Ler Mais >>

Padre Joaquim Alves Brás celebrado em Roma

Com os olhos postos no centenário da sua ordenação sacerdotal, o Pe. Alves Brás foi celebrado em Roma por ocasião das datas do seu nascimento e morte. A Igreja de Santo António dos Portugueses acolheu a celebração eucarística e Murillo Missaci conta-nos os pormenores.

Ler Mais >>

Celebrar e fazer acontecer o novo e a novidade

Num tempo de interpelações e desafios constantes “não nos podemos esquecer deste recomeço, desta novidade e deste novo que cada Páscoa nos lembra e volta a fazer acontecer”, diz-nos Juan Ambrosio na sua crónica mensal para o Jornal da Família.

Ler Mais >>