Avaliar e perspetivar

“Ide! Fazei o que Ele vos disser. Bondade e Alegria”. É este o imperativo que dará corpo ao novo Plano de Vida e Ação do ISCF.

Foi com este propósito que as Coordenadoras do Instituto Secular das Cooperadoras da Família (ISCF), bem como os elementos da Direção da Obra de Santa Zita e do Centro de Cooperação Familiar, se reuniram Fátima de 7 a 11 de junho.

Dinamizado pelo mote: “Ide onde ninguém vai – humildade e profecia”, o ano 2018/2019 foi um ano cheio de dinamismo missionário. Com simplicidade e alegria, as Cooperadoras procuraram dar rosto à sua missão específica – “O cuidado da santificação da Família”. Dentro das reais possibilidades, partiram há um ano atrás, calcorreando os caminhos do seu coração, a fim de crescerem em humildade e profecia e realizaram uma série considerável de iniciativas, com o propósito de envolver utentes e respetivos familiares, colaboradores e amigos, neste dinamismo missionário. Acresce a tudo isto os contactos pessoais e de presença nos diversos ambientes onde estão inseridas por motivos profissionais e outros, vividos com o mesmo propósito. 

Na Eucaristia que coroava o dia da avaliação, as Cooperadoras puderam dar graças a Deus por toda a vida gerada e pedir perdão, pelo que não esteve tão bem. Foi um ano muito intenso. Não obstante o cansaço se fazer sentir, cada Cooperadora procurou dar o melhor, para viver e realizar intensamente este desejo do seu Fundador. Ao longo do ano, as Cooperadoras sentiram, a atualidade, a força e o dinamismo missionário deste imperativo, que revigorou e fortaleceu o espírito apostólico inscrito no ADN da sua vocação. 

Preocupadas, mas confiantes, no dia oito, com a ajuda do sacerdote Salesiano João Chaves, procuraram olhar, com confiança e esperança o “Carisma, missão, obras e projetos sustentáveis no futuro”. Em sintonia com o Sentir da igreja, refletiram também os dois últimos documentos saídos da Conferência Episcopal Portuguesa, procurando dissecar dos mesmos as consequências para a realização da sua ação apostólica, junto das Famílias.

Perspetivar o novo ano, mantendo o mesmo dinamismo missionário, em sintonia com uma “igreja em saída”, como exorta o Papa Francisco e, com o contributo de todas as presentes, esboçaram-se as grandes linhas, decorrentes do novo tema escolhido para dinamizar o ano social e apostólico 2019/2020, que se inspira no mandato de Nossa Senhora aos servos, nas Bodas de Caná e no tema de sexénio: (“No coração do mundo, com o coração de Deus ao serviço da Família”): “Ide! Fazei o que Ele vos disser. Bondade e Alegria”. É este o imperativo que dará corpo ao novo Plano de Vida e Ação. 

Conceição Vieira, Vice-coordenadora do ISCF

Partilhar:

Facebook
Twitter
Pinterest
LinkedIn
Relacionado

Outras Notícias

“Porque não eu?”

Sonhava casar com um bom homem e ter muitos filhos. Um dia descobre que Deus tinha outro projeto para ela. A história de uma vocação em discurso direto

Ler Mais >>