As famílias na intenção de oração do Papa

Viver a gratuidade do amor, aprender com os erros e encontrar a presença de Deus em todos os momentos. Neste mês de junho a intenção de oração do Papa Francisco é pelas famílias.

As famílias estão na intenção de oração do Papa para este mês de junho. Francisco pede “pelas famílias cristãs de todo o mundo, para que, com gestos concretos, vivam a gratuidade do amor e a santidade na vida quotidiana”. 

A intenção de oração deste mês, divulgada através de O Vídeo do Papa coincide com a celebração do Encontro Mundial das Famílias, de 22-26 de junho, em Roma, um evento que encerra um ano dedicado à meditação sobre a família, por ocasião do 5.º aniversário da Exortação Apostólica Amoris laetitia.

Na edição de junho de O Vídeo do Papa, produzido pela Rede Mundial de Oração do Papa em colaboração com o Dicastério para os Leigos, a Família e a Vida, Francisco afirma que “a família é o lugar onde aprendemos a viver juntos, a conviver com os mais novos  e os mais velhos” mas também a “estarmos unidos nas diferenças” e assim evangelizar “com o nosso exemplo de vida”.

Francisco afirma que “não existe a família perfeita” e que “não devemos ter medo dos erros” mas devemos “aprender com eles para podermos avançar”.

Na nota de imprensa que acompanha o lançamento de O Vídeo do Papa, o cardeal Kevin Farrell, Prefeito do Dicastério para os Leigos, a Família e a Vida, realça também que “não existe a família perfeita” e que “todas as famílias têm preocupações, sofrimentos, mas também alegrias e esperanças”. Para o cardeal Farrell “são as relações amorosas entre cônjuges, pais, filhos e avós que os tornam caminhos de santidade, feitos de simples gestos diários, que pouco a pouco tornam extraordinários os momentos comuns”.

No vídeo, o Papa desta ainda a constante presença de Deus em todos os momentos da vida da família.

Onde quer que as famílias se encontrem “no vai e vem da barca agitada pelo mar”, diz Francisco, Deus está lá. “Quando discutimos, quando sofremos, quando estamos felizes, o Senhor está ai”, adianta.

“O amor na família é um caminho pessoal de santidade, para cada um de nós.  Foi por isso que o escolhi como tema para o Encontro Mundial das Famílias deste mês”

O P. Frédéric Fornos, sj, diretor internacional da Rede Mundial de Oração do Papa, no comentário à intenção de oração de Francisco, sustenta que “a família é o lugar para aprender a amar, para conviver na diferença, aprendendo com os erros, conscientes de que o Senhor está presente, ajuda e acompanha. Esta experiência da presença de Deus nasce da oração, e é, por isso, que é importante rezar pela intenção de oração do Papa”.

A nota de imprensa recorda ainda um estudo do Instituto Pew de 2021  que revelou que “o que dá sentido à existência das pessoas inquiridas é, em primeiro lugar, a família, antes da profissão, do bem-estar material ou da saúde. Por isso, é tão importante cuidar da própria família, na sua realidade concreta”, afirma a nota de imprensa.

Este é o segundo vídeo de uma série de três dedicada à família, O primeiro foi dedicado aos jovens a quem o Papa pediu que sigam o exemplo de Maria como modelo de escuta, discernimento e serviço.

IM

Partilhar:

Facebook
Twitter
Pinterest
LinkedIn
Relacionado

Outras Notícias

Cultura do descarte

“A cultura do descarte é uma das mais significativas sequelas do vírus do narcisismo”, escreve Furtado Fernandes num artigo que reflete sobre o provisório e o efémero que caracterizam a atualidade.

Ler Mais >>

Em Roma, uma Igreja que fala português

Uma eucaristia em Roma para fazer memória das virtudes heroicas do Pe. Alves Brás deu o mote à rubrica mensal de Cristiano Cirillo pela beleza da espiritualidade em viagem. Por entre a vida e Obra do Fundador da Família Blasiana, ficamos a conhecer a Igreja de Santo António dos Portugueses em Roma.

Ler Mais >>

Padre Joaquim Alves Brás celebrado em Roma

Com os olhos postos no centenário da sua ordenação sacerdotal, o Pe. Alves Brás foi celebrado em Roma por ocasião das datas do seu nascimento e morte. A Igreja de Santo António dos Portugueses acolheu a celebração eucarística e Murillo Missaci conta-nos os pormenores.

Ler Mais >>

Celebrar e fazer acontecer o novo e a novidade

Num tempo de interpelações e desafios constantes “não nos podemos esquecer deste recomeço, desta novidade e deste novo que cada Páscoa nos lembra e volta a fazer acontecer”, diz-nos Juan Ambrosio na sua crónica mensal para o Jornal da Família.

Ler Mais >>