Bispos convidam irmãos a conservar e cuidar os laços fraternos

Bispos convidam irmãos a conservar e cuidar os laços fraternos
Comissão Episcopal do Laicado e Família publica mensagem para o Dia dos Irmãos, celebrado a 31 de maio.

Com o título “É sempre possível recomeçar!” a Comissão Episcopal do Laicado e Família (CELF) assinala o Dia dos Irmãos, celebrado a 31 de maio, com uma mensagem que assenta na superação de “conflitos e desavenças”. “É fundamental conservar e cuidar dos nossos laços fraternos, sobretudo quando surgem e se prolongam conflitos e desavenças”, escrevem os bispos portugueses.

Para a CELF “o convívio de irmãos pode ser o espaço onde se vai descobrindo como Deus também nos fala através do erro e do fracasso”. Para curar traições ou ofensas “é imperioso descobrir uma leitura dos factos que evidencie o bem que nasceu do mal” e essas leituras têm de ser “verdadeiras e não inventadas”, tem de haver “muito esforço-amor para descobrir uma verdade mais profunda do que a que vemos diante dos olhos”.

Os bispos recordam o bem que fazem os “relacionamentos verdadeiramente fraternos construídos na vida em comum, nas aventuras, nas descobertas, na solidariedade, na proximidade, na cumplicidade, na diversidade, na entreajuda, na cooperação e divisão de tarefas, na alegria e na tristeza, nas emoções boas e más, na tolerância, na reconciliação, nas raízes e na memória” que devem pautar a relação entre os irmãos.

Segunda, 27 de Maio de 2019