Família Blasiana cresce em Aveiro

Família Blasiana cresce em Aveiro
No quarto trimestre de 2019 a casa das Cooperadoras da Família de Aveiro foi centro de múltiplas atividades organizadas pelos vários grupos que animaram a comunidade.

O ano pastoral teve início em setembro com um momento de oração, na casa de Santa Zita, aberto a todas as famílias e pessoas da paróquia, que quiseram estar presentes e rezar pela família. Este momento teve como tema: “Os pais de joelhos e os filhos de pé”. Como dizia o Fundador da Família Blasiana, Família que reza, é mais forte e muito mais unida.
 

A partir daqui tudo arrancou segundo a sua calendarização. Tivemos um ponto alto de grande espírito eclesial, a Peregrinação a Fátima, no encerramento do ano Missionário.
 

No mês de novembro o Movimento por Um Lar Cristão (MLC), com vigor renovado, deu início às atividades da pastoral familiar, lançando as bases para uma reflexão profunda e para o crescimento de laços de amor no seio familiar. Foram acolhidos novos casais e houve um momento de partilha e agradecimento. O encontro acabou com o tradicional Magusto, onde foi possível o convívio, mas principalmente a vivência de um momento especial como Família Blasiana. 
 

O mês de novembro trouxe também grandes novidades para a Família Blasiana de Aveiro. Nos dias 13 e 14, foram feitas as apresentações e o arranque oficial dos Focos de Esperança. De maneira a adaptar às necessidades das diferentes faixas etárias, foram criados dois grupos. O primeiro constituído por jovens a partir dos 18 anos (residentes e outros), o segundo por jovens a partir dos 12 anos. Tendo como mote o tema do ano dos Focos de Esperança “Levanta-te! Vamos…” Todos iniciámos esta caminhada, cheios de ânimo e esperança, para o crescimento e fortalecimento da Família Blasiana em Aveiro. 
 

No dia 17 de dezembro realizou-se a tradicional Ceia de Natal que teve como tema:  “A Família hoje”. Cada membro que chegava, era acolhido e recebia um cartão com a pergunta: “O que é para ti a família?” Respondia e colocava o seu nome no mesmo e deixava-o. Nesta celebração familiar, tivemos a presença do Bispo de Aveiro, D. António Manuel Moiteiro, que dirigiu palavras de ânimo para toda a Família Blasiana. Contámos também com a  presença do vigário- geral e dos párocos, famílias dos residentes, elementos do Instituto Secular das Cooperadoras da Família, Obra de Santa Zita, MLC, Focos de Esperança e suas famílias. Nessa noite tão especial a animação esteve a cargo dos jovens Focos de Esperança que prepararam o acolhimento e um teatro de sombras com o tema da Encarnação e nascimento de Jesus. Houve também momentos musicais e intervenções.
 

Este momento de confraternização e convívio terminou com a entrega dos cartões com os quais tinham sido acolhidos. Cada um ficou a rezar, cuidando da família cujo nome estava escrito  no cartão que lhe calhou.
 

A Família Blasiana, também viveu a festa da Sagrada Família nas respetivas comunidades paróquiais.
 

A 12 de janeiro tivemos a Festa da Família aberta às família da paróquia com o tema:  

“Alegria de ser família e os desafios de hoje”. Um tema desenvolvido pelo vigário-geral da diocese de Aveiro, padre Manuel Rocha que desafiou a assembleia a olhar a família hoje com muita Esperança, porque ela tem a sua fonte no modelo que é Deus Trindade Santíssima. Lembrou aos presentes que o plano da nossa diocese incita-nos a vermos o matrimónio como caminho de santidade, “santidade ao pé da porta…”, no dizer do Papa Francisco. É esse degrau, que dá para uma porta aberta, que nos leva à alegria de ser família.  Este encontro de reflexão, que olhou afamília hoje, terminou com um lanche convívio saboreando a alegria de ser família.

 

2019 foi um ano marcado pelo crescimento da Família Blasiana em Aveiro, desejamos que 2020 traga novidades e principalmente que todo o nosso trabalho seja pela Glória de Deus e santificação das famílias.

 

Fernanda Azuaje e José Azuaje-Fidalgo

Sexta, 17 de Janeiro de 2020